Meningite: maior incidência da doença é na infância - Papai Educa

compartilhando a

paternidade ativa

Leandro Nigre

LEANDRO NIGRE

Pai do Joões, em seu plural consagrado, João Guilherme e João Rafael, esposo da Dayane, jornalista, palestrante, articulista sobre paternidade, especialista em Mídias Digitais, editor-chefe de jornal impresso, em Presidente Prudente.

saiba mais »

Meningite: maior incidência da doença é na infância

Médico afirma que proteção é indispensável no primeiro ano de vida da criança

03 de Março de 2017
0 comentários

A doença meningocócica pode levar a óbito em média uma pessoa a cada oito minutos no mundo, segundo estudo médico internacional. Geralmente ela se manifesta como meningite, que é uma infecção das membranas que envolvem o cérebro e a medula espinhal. Uma outra forma mais grave da doença é uma infecção direto no sangue, chamada de meningococcemia.

De acordo com Otávio Cintra, Diretor Médico de Vacinas da GSK Brasil, é de suma importância proteger as crianças no primeiro ano de vida. “É nesse período que elas são mais vulneráveis. O risco de doença meningocócica em crianças que ainda estão sendo amamentadas, que chamamos de lactentes, é três vezes maior que uma criança de um a quatro anos de idade e é seis vezes maior comparado a uma criança de cinco a nove anos de idade. ”

Por isso a meningite é tema do mais recente vídeo da campanha “Avós da Experiência”- uma série criada pela GSK para conscientização de diversas doenças imunopreveníveis que podem acometer as crianças.

A doença meningocócica invasiva (DMI) é causada pela bactéria Neisseria meningitidis, que possui 12 sorogrupos diferentes. Atualmente, cinco destes sorogrupos (A, B, C, Y e W) são responsáveis por quase todos os casos de DMI no Brasil. Entretanto, a distribuição dos sorogupos é variável e pode mudar em um curto período de tempo, resultando em uma epidemiologia imprevisível.

Até o ano passado, a imunização para quatro tipos da bactéria (A, C, W e Y) só estava disponível no país para crianças acima de um ano de idade. Hoje, a indicação de faixa etária da vacina conjugada com o CRM 197 para os grupos ACWY, para uso pediátrico, é a partir dos 2 meses de idade e, também, para adolescentes e adultos. Em bebês de 2 a 6 meses de vida, são necessárias quatro dose da vacina, três doses da vacina como esquema primário, mais um reforço no segundo ano de vida.7,9 Já em crianças não vacinadas, com idades entre 7 e 23 meses, deve ser administrada em três doses, duas doses como esquema primário com uma dose de reforço no segundo ano de vida. Crianças a partir de 2 anos, adolescentes e adultos devem tomar uma dose única da vacina meningocócica conjugada.

Já a vacina para a proteção contra a doença meningocócica causada pelo meningococo B (MenB) é indicada para indivíduos dos dois meses aos 50 anos de idade. Nos postos de saúde a vacinação apenas contra o meningococo C era gratuita para crianças com menos de 2 anos11, a partir de 2017 adolescentes de 12 a 13 anos também foram incluídos.

Avós da Experiência

A série de vídeos conta ainda com filmes sobre hepatite A, catapora, coqueluche, meningite, sarampo e caxumba. Todos eles abordam as formas de prevenção das principais doenças que podem acometer as crianças, usando como representação um núcleo familiar, em que os jovens pais recorrem à experiência das avós na hora de tirar dúvidas e pedir conselhos.

“A campanha visa a conscientização da população em relação a sintomas, formas de contágio e prevenção de algumas das doenças que podem ocorrer desde a infância. Na série os pais sempre contam com a experiência das queridas vovós, que hoje em dia estão super atualizadas, e usam e abusam da tecnologia para se informar”, conta Dr. Otávio. (Com Assessoria da GSK)

(Com informações da da GSK Brasil)

DEIXE SEU COMENTÁRIO

O comentário é de responsabilidade exclusiva de seu autor e não representa a opinião deste site. Após avaliação, ele será publicado. Seu email será preservado.

MAIS 0 COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para este artigo.

© 2016 Papai Educa. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido Prudente Empresas

Assine o blog

Inscreva-se e receba atualizações
do nosso conteudo no seu email.